A Santa Casa suspendeu todas as apostas no Placard relativas ao encontro de segunda-feira entre o Feirense e o Rio Ave. Em causa estará o volume de apostas no valor de 500 mil euros, considerado atípico para este jogo e ainda uma alegada aposta única no valor de 100 mil euros registada em Vila do Conde.

A Santa Casa da Misericórdia afirma ter tomado esta medida devido ao risco financeiro envolvido. Medida depois também seguida pelas restantes casas legalizadas em Portugal.

Até ao momento nada indicia que tenha existido manipulação desportiva no encontro já jogado. O Feirense venceu e os dois treinadores mostraram bastante indignação perante a situação. “O caso é prejudicial para imagem do futebol português.”